Blog

Viaje tranquilo. Evite dores

Difícil encontrar alguém que nunca terminou uma viagem se queixando de dores, principalmente na coluna e nas penas. Não sabemos se é banco do carro, a poltrona do ônibus, a posição errada, a falta de travesseiro…

Quando ficamos muito tempo em uma só posição, é comum aparecer incômodos indesejáveis, que, ao passar das horas, podem até se transformar em dores quase insuportáveis. Mas não pense que é sempre assim. Se você souber seguir algumas dicas, é possível viajar tranquilo e sem dores, com a possibilidade de se concentrar na paisagem, ao invés de se preocupar com a posição mais confortável.

Quando viajamos com nosso próprio carro, sabemos como ele é qual o grau de conforto. Mas e quando a viagem é de ônibus? O Portal Rodoviariaonline conta com parceiros que possuem frotas diferenciadas para oferecer o máximo de comodidade aos seus passageiros. Mas, se você também seguir essas orientações de ortopedistas com certeza sua viagem tende a ser ainda mais prazerosa. Olha só:

– Aproveite os intervalos das viagens. Se o ônibus fizer uma parada, aproveite para descer, caminhar um pouco. Dê aquela espreguiçada para alongar a musculatura.

– Como nem sempre os bancos dos ônibus são ajustáveis, pessoas muito altas ou baixas e muito gordas ou magras podem usar travesseiros ou aquelas almofadas de viagem na nuca ou na lombar para terem mais conforto.

– Contrair o umbigo ajuda a melhorar a posição da coluna e contrair as nádegas ajuda na circulação em caso de formigamento.

Pensa que só dá pra fazer exercício se for de pé?  Está enganado! Há alguns que dá pra fazer sentado mesmo que evitam dores nas pernas e inchaço nos pés:

Se você também seguir essas orientações de ortopedistas com certeza sua viagem tende a ser ainda mais prazerosa.

– Levante o joelho em direção ao peito, diminuindo o ângulo da parte de trás do joelho e retirando a coxa do acento; repita o processo com a outra perna.

– Estique a perna, deixando a parte de trás do joelho sem dobrar; repita com a outra perna.

– Com o calcanhar no chão e os dedos para cima, role o pé de trás para a frente até que o calcanhar e os dedos fiquem apoiados no chão para movimentar a planta do pé; repita com o outro pé.

– Estique o pé e dedos para baixo e para trás, aumentando o ângulo entre a parte superior do pé e frente da perna; repita com o outro pé.

– Movimente os tornozelos, levando os pés de um lado para o outro e desenhando círculos no ar.

(por Gisele Luz)