Blog

Confira 4 dicas para viajar de ônibus com crianças

À medida que a data do embarque se aproxima, um passageiro deve tomar várias decisões: depois de reservar as passagens, é preciso escolher o tipo de mala, para, em seguida, arrumá-la. Decidir que objetos serão incluídos na bagagem nem sempre é uma tarefa fácil.

Quando chega o grande dia, o adulto responsável deve redobrar os cuidados caso esteja tutorando um passageiro menor de idade. Por isso, nós separamos dicas preciosas para que uma viagem com crianças de ônibus transcorra de forma tranquila! Continue a leitura!

1. Providencie os documentos necessários

A primeira providência para uma viagem com crianças é garantir que elas tenham o direito de embarcar. Verifique quais os documentos necessários: neste caso, é obrigatória a apresentação do RG, que permite a identificação do pequeno passageiro. Para menores de 12 anos, também é exigida a certidão de nascimento.

Convém lembrar ainda que crianças abaixo dessa idade são proibidas de viajar sem a companhia de um adulto, que deve comprovar parentesco de até terceiro grau com o menor. Em outras situações, é preciso que o responsável legal conceda uma autorização por escrito, com firma reconhecida em cartório.

2. Faça um check-list com itens essenciais para crianças de colo

Visando garantir o bem-estar de bebês de colo, faça um check-list projetando tudo o que a criança poderá precisar durante o percurso. Calcule a quantidade de fraldas que serão utilizadas durante o trajeto — priorize os modelos de pano — e abasteça a nécessaire com os principais itens de higiene pessoal.

O ideal é que o seu filho seja amamentado e trocado antes do embarque. Aproveite eventuais paradas para reabastecer mamadeiras e comprar algo para comer. Dentro do ônibus, prefira os assentos próximos ao corredor, que permitem uma melhor movimentação.

3. Mantenha os pequenos distraídos e bem alimentados

Os adultos precisam ter em mente que uma viagem com crianças pode ser bastante entediante para elas. Por isso, é fundamental providenciar uma distração adequada para cada faixa etária: um mordedor e um brinquedo pequeno tendem a ser suficientes para os bebês.

Para crianças um pouco maiores, a nossa sugestão é que você aproveite as situações relacionadas ao passeio para propor brincadeiras, como contar carros ou memorizar a ordem em que objetos foram colocados na mala. Outra estratégia certeira para manter o menor tranquilo é não deixá-lo com fome. Carregue consigo petiscos, que poderão ser ingeridos durante o trajeto.

4. Jamais deixe a criança sozinha ou sob o cuidado de estranhos

Por último, não podemos deixar de fazer um alerta: seja na rodoviária ou nas paradas, jamais deixe o seu filho completamente sozinho ou sob o cuidado de estranhos. Ainda que você precise se ausentar por poucos minutos, para ir ao banheiro, por exemplo, sempre leve a criança consigo.

É impossível prever as reais intenções de um desconhecido com base em alguns minutos de conversa que pareceram agradáveis. Vale reiterar o pedido: esteja sempre alerta, já que os cuidados com o pequeno passageiro são uma responsabilidade exclusiva de seu acompanhante.

Antes de finalizar, deixemos mais duas dicas úteis:

  • quando transportadas no colo, crianças de até 5 anos, 11 meses e 29 dias têm direito à isenção da passagem;
  • prefira viajar durante a noite, pois este é o horário em que os menores costumam dormir.

Gostou das nossas dicas para evitar imprevistos em viagem com crianças? Tem mais alguma sugestão que poderia ser incluída neste texto? Deixe o seu depoimento nos comentários e aproveite para interagir com outros pais!

Você também pode se interessar por